Onde se hospedar na Alsácia: Colmar, Strasbourg e mais!

Onde se hospedar na Alsácia

Para quem quer viajar pela menor e mais fofa região da França, uma das grandes dúvidas é então onde se hospedar. Já escrevemos aqui sobre lugares para comer, roteiros completos pela região e pela rota do vinho, além de detalhamento de cidades como Estrasburgo, Colmar, Riquewihr, Eguisheim, Kaysersberg e muito mais! Atendendo aos pedidos dos leitores, vamos, portanto, abordar onde se hospedar na Alsácia!

Como comentamos no post sobre os roteiros na Alsácia, para quem irá somente à Colmar ou à Estrasburgo, tudo certo fazer base nessas cidades! Mas pra quem irá fazer mais na região e conhecer as cidadezinhas, é legal vivenciar as villages! Já, para quem irá à Mulhouse, tem opções inspiradas no que experimentei e me recomendaram quando morei lá.

É por isso que trazemos aqui para você opções divididas pelos melhores e mais charmosos destinos! Você encontrará hotéis, apartamentos e chalés, além de propostas com muita sofisticação e outras que são de imersão no ambiente local. Tem, portanto, para todos os gostos e estilos de viagem! Confira então onde se hospedar na Alsácia!

Estrasburgo

Estar nas praças centrais de Estrasburgo pode ser um pouco barulhento. A dica então é buscar as redondezas! Você encontrará ruas e hotéis bem charmosos nelas! A cidade é uma das capitais da Europa e tem muitos diplomatas, por isso, aqui que encontrará as melhores opções de hospedagem na Alsácia!

Um bom custo-benefício é o do Golden Tulip Strasbourg Centre The Garden, pois lá tem um SPA, o preço costuma ser bom e está entre 1 e 2 km das principais atrações.

Golden Tulip Strasbourg Centre The Garden. Foto: Booking
Golden Tulip Strasbourg Centre The Garden. Foto: Booking

Outro bom custo-benefício é o do Hotel D – Strasbourg. Está a 500m da praça onde fica o Mercado de Natal e a decoração é super estilosa, com camas bem confortáveis.

Hotel D - Strasbourg. Foto: Booking
Hotel D – Strasbourg. Foto: Booking

Já quem não abre mão de estar no coração da região dos canais, o Hôtel Régent Petite France & Spa pode então ser uma boa pedida! Além disso, o bacana para casais é que você pode escolher entre tomar café no restaurante ou no próprio quarto. O prédio em si é bem interessante, pois fica num antigo moinho. Uma das vantagens da Petite France, além da beleza desse pedaço, é que durante a noite tem menos ruído que a praça da catedral.

Hôtel Régent Petite France & Spa. Foto: Booking
Hôtel Régent Petite France & Spa. Foto: Booking

Outra hospedagem charmosa e bem central é o Hôtel & Spa Le Bouclier D’or. Ele está numa construção do século XV da lindinha Petite France. Fica a 5 minutinhos a pé da Catedral. Também tem um SPA e lá você pode curtir os vinhos locais num bar dedicado a eles!

Hôtel & Spa Le Bouclier D'or. Foto: Booking
Hôtel & Spa Le Bouclier D’or. Foto: Booking

Colmar

O Best Western Grand Hôtel Bristol é bom para quem chegará de trem, pois está em frente à estação. De lá é bem facinho se deslocar para os principais pontos turísticos, pois será no máximo 1 km. Diferente das grandes cidades europeias, nunca ouvi falar de nenhum problema de segurança perto da estação de Colmar.

Best Western Grand Hôtel Bristol. Foto: Booking
Best Western Grand Hôtel Bristol. Foto: Booking

Se está procurando um apartamento para se hospedar em Colmar, uma boa opção pode ser o Grand Studio Colmar Centre. Ele está uma gracinha! Eu achei a decoração incrível! Mas corra porque ele é bem concorrido!

Grand Studio Colmar Centre. Foto: Booking
Grand Studio Colmar Centre. Foto: Booking

Se o preço é um fator fundamental, o Hôtel Restaurant – Les Maraichers está numa área central, está bem bonitinho, baratinho e pode ser, portanto, uma boa pedida para economizar.

Hôtel Restaurant - Les Maraichers. Foto: Booking
Hôtel Restaurant – Les Maraichers. Foto: Booking

O que mais tem a minha cara é o James Boutique Hotel, pois a decoração é bem contemporânea e de super bom gosto. Os quartos são confortáveis e, além disso, simplesmente lindos!

James Boutique Hotel. Foto: Booking
James Boutique Hotel. Foto: Booking

Eu não poderia falar de Colmar sem te dar mais uma opção para o coração da Petit Venize! O Hotel Le Marechal – Les Collectionneurs é um quatro estrelas em um prédio construído em 1565. Ele está bem no canal e a uma distância não tão ruidosa (700 metros) de um dos mercados de Natal. Se você quiser comer lá mesmo, o restaurante, chamado A l’Echevin, traz pratos tradicionais que você pode aproveitar na varanda.

Hôtel le Maréchal - Les Collectionneurs na Petit Venise Foto: Booking
Hôtel le Maréchal – Les Collectionneurs na Petit Venise Foto: Booking

Riquewihr

A mais linda village merece uma hospedagem para curtir as casinhas, os vinhos e jantar em maravilhosos Michelins como o Au Trotthus.

O Hotel Le Riquewihr tem gestão familiar então imagina que seu café da manhã terá a verdadeira patisserie da Alsácia! Está num estilo bem local, por isso, a decoração não é contemporânea. Ele é simples, cheio de madeira, sem sofisticação, mas bem arrumadinho!

Hotel Le Riquewihr. Foto: Booking
Hotel Le Riquewihr. Foto: Booking

O Laterale Residences é o que acho que dá mais o astral diferente em Riquewihr! São apartamentos numa casinha lindinha toda decorada com charme, muita madeira, num estilo rústico! É, portanto, uma bela opção para considerar quando estiver escolhendo onde se hospedar na Alsácia!

Le Laterale Residences. Foto: Booking
Le Laterale Residences. Foto: Booking

Eguisheim

Quer ficar numa casinha colorida no coração da cidadezinha? Nesse caso, seria a Gîte au Coeur d’Eguisheim. É um estilo bem alsaciano, não é luxuosa, mas certamente uma vivência bem típica!

Gîte au Coeur d'Eguisheim. Foto: Booking
Gîte au Coeur d’Eguisheim. Foto: Booking

Mas se você quer se hospedar num lugar mais reformadinho e moderno em Eguisheim, pode ser o apartamento Le Hameau d’Eguisheim. É interessante a ambientação externa da casa, pois eles ficam num local que tem vinha!

Le Hameau d'Eguisheim. Foto: Booking
Le Hameau d’Eguisheim. Foto: Booking

Kaysersberg

Onde se hospedar em Kaysersberg então? No Centro tem o moderninho e recém reformado KLE.

KLE. Foto: Booking
KLE. Foto: Booking

O que eu acho que é uma boa mesmo entre as opções da cidade é ficar no apartamento La grande terrine. Está também novinho, tem bastante espaço e os arredores são bem legais!

La grande terrine. Foto: Booking
La grande terrine. Foto: Booking

Mulhouse

Apesar de ser talvez a cidade mais barata para se hospedar na Alsácia, Mulhouse não é a melhor para ficar, pois está fora da rota do vinho e longe do charme de Riquewihr e Eguisheim, por exemplo. O ideal é ficar lá somente se você tiver uma convenção ou trabalho na cidade ou se, deslocando-se entre Alsácia e Basileia, quiser ficar num lugar mais barato que a cidade suíça e for visitar a Cidade do Automóvel.

Quando cheguei à Mulhouse, antes de escolher meu apartamento, passei um mês no Appart’City, flat que foi uma experiência excelente! O café da manhã é bem fraquinho, mas o quarto oferece bom custo-benefício, tem uma vista bacana e está situado bem em frente a uma estação de tram, o que é ótimo para se deslocar no frio. Um dia antes de me mudar de Mulhouse, passei então uma noite novamente nesse hotel. O quarto, contudo, estava meio sujo e cheirando a cigarro. Por isso, se acontecer também com você, recomendo que peça na hora pra mudar, pois tem sim quartos bons lá!

Appart'City Mulhouse Foto: Booking
Appart’City Mulhouse Foto: Booking

O Hotel Bristol é onde uma amiga ficava dois dias a cada três meses, quando precisava ir à universidade. Segundo ela, está no coração da cidade, perto de tudo, e a experiência dela com os quartos sempre foi boa. Não espere encontrar nada muito luxuoso na cidade, pois os hotéis bons são okay. Por isso, esse é um destino para optar pelo custo-benefício.

Hotel Bristol Mulhouse Foto: Booking
Hotel Bristol Mulhouse Foto: Booking

Por fim, um local que reúne diversos estrangeiros é o BestWestern Hôtel de la Bourse, situado num belo edifício antigo. A localização, o bar do hotel e o ambiente antigo do prédio fazem desse local um ponto de happy hour de expatriados e de eventos do Internations.

BestWestern Hôtel de la Bourse de Mulhouse Foto: Booking
BestWestern Hôtel de la Bourse de Mulhouse Foto: Booking

Dicas de viagem e onde se hospedar na Alsácia

Essas são algumas ideias para você definir onde se hospedar na Alsácia. Se tiver alguma dúvida, escreva nos comentários abaixo. Será um prazer ajudar você!

Se estiver com dúvida ainda sobre a cidade a escolher, sugiro que comece lendo o texto sobre os roteiros de viagem na Alsácia e a rota do vinho da Alsácia. Lá tem bastante informação que pode te dar uma ajuda nessa importante missão! Temos também cobertura individual sobre cada cidade! Para ver, basta então clicar no nome de cada uma aqui no texto.

Aproveito para convidar você para se inscrever em nosso mailing VIP para receber nossos newsletters, e-books e conteúdos exclusivos! Basta então preencher o formulário que está aqui. Não deixe de conferir também o perfil do Ultrapassando Fronteiras no FaceInsta e Pinterest!

buy me a cup of coffee

O que você achou? Teria algum comentário?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.