Como ir à Alsácia: avião, carro, trem, ônibus ou bike!

Por ser a menor região francesa e distante da capital, a Alsácia deixa muitas dúvidas de como chegar lá! Assim, preparei dicas para tanto quem quer ir em avião, mas também para quem avalia trem, carro, ônibus ou até bicicleta! Confira então agora aqui como ir à Alsácia nos mais diversos tipos de transporte!

Ir à Alsácia em avião

As duas maiores cidades da região são Strasbourg e Mulhouse e ambas possuem aeroportos! No que você encontrará mais opções será o da segunda cidade, o EuroAiport, pois ele atende não só a França, mas também Alemanha (Freiburg) e Suíça (Basel)! Mas a primeira opção é a que está situada numa cidade mais turística e charmosa. Tudo vai depender de onde você está saindo (opções diretas) e qual será o roteiro.

Para distâncias de mais de 400km, o avião e o ônibus são mais baratos que o trem. Contudo, saindo do EuroAirport, o táxi pode ser salgado, pois varia entre 55 e 80 euros, de acordo com o horário e dia da semana. Por isso, vale estudar o post específico sobre o EuroAiport, de onde se pega ônibus + trem para acessar Mulhouse, Colmar ou Strasbourg.

EuroAiport: um aeroporto, três países
EuroAiport: um aeroporto, três países

Trem

As principais estações da região estão em Strasbourg (a maior, com trens vindo também da Alemanha), Colmar e Mulhouse (onde entram os trens oriundos da Itália e Suíça). Somente alguns trens chegam à Sélestat. Todos os dias têm TGV (trens de alta velocidade) vindo de Paris que passam em Strasbourg, Colmar e Mulhouse e pode ser uma boa para quem já estiver na França, pois eles chegam em cerca de 2h! Cabe destacar que somente essas cidades são dotadas de trem e, portanto, as pequenas e charmosas villages Kaysersberg e Riquewihr são acessadas somente de carro. E esse costuma ser o transporte mais caro para longas distâncias e os bilhetes podem ser adquiridos no site da SNCF.

Trams excelentes distribuem os passageiros por diferentes linhas em Mulhouse
Trams excelentes distribuem os passageiros por diferentes linhas em Mulhouse

Carro

A viagem de Paris até lá, se for direto, pode ser cansativa, pois são mais de 500km. Nesse caso, o carro vale para quem quer ir parando e passar a noite ou alguns dias em cidades como Metz (estrada A4), Nancy (via A4 e N4), Troyes (A5), entre outras. Para quem quer dar uma desviada maior, pode até conhecer Luxemburgo ou Dijon.

Mas, para quem vem da Suíça, são 2h de Zurique até Strasbourg pela estrada 3 da Suíça com a A35 da França, passando por Basel, Colmar e Mulhouse. Outra opção é pegar a 3 da Suíça e depois subir pela 98 e a 5 da Alemanha, passando pela simpática Freiburg e por Offenburg.

Como as cidades mais fofas e os vinhedos são mais acessíveis de carro, sugiro que qualquer um dos transportes de chegada seja combinado com um carro alugado! Você não precisará somente em Strasbourg, Mulhouse e Colmar, onde poderá chegar em trem ou ônibus e se deslocará a pé ou em transporte público.

A delicadeza das flores, casas e detalhes de Riquewihr
A delicadeza das flores, casas e detalhes de Riquewihr

Ônibus

Quando morei em Mulhouse, viajei para diversos destinos de Flixbus. Os preços são imbatíveis e gostei muito dos ônibus. Para ir à Alsácia saindo da Itália e da Suíça, na maior parte dos casos, acaba dando quase o mesmo tempo do trem. Então essa pode ser uma boa opção para chegar e sair. As paradas são próximas às estações centrais e servem Mulhouse, Colmar e Strasbourg.

Petit Venize de Colmar
Petit Venize de Colmar

Bicicleta

Também é possível ir à Alsácia em bicicleta! As ciclovias EuroVelo 5, 6 e 15 passam por lá! O trajeto é super lindo, repleto de cidades bucólicas. Você pode conferir sobre a minha experiência em ciclovia na Alsácia aqui. E, se for se deslocar até lá de trem portando a bike, não deixe de verificar antes os horários e os vagões preparados para levar seu item esportivo!

As paisagens bucólicas no trajeto da ciclovia EuroVelo6
As paisagens bucólicas no trajeto da ciclovia EuroVelo6

Está indo para a Alsácia? Morei lá e aqui tem muito conteúdo sobre a região! Confira os posts sobre cada uma das cidades, bem como dicas de onde se hospedar, sobre a rota do vinho e os roteiros de 2, 4 ou 7 dias. Além disso, cidades próximas como Basel, Freiburg e Metz também estão aqui!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.