10 motivos para viajar à Calábria, Itália

10 motivos para viajar à Calábria
10 motivos para viajar à Calábria

Depois de morar um tempinho na Calábria, coloquei a região na lista dos lugares que me surpreenderam! As cidades belas na simplicidade, a cor do céu, os sabores, a tranquilidade e os preços baixos são algumas das características da região. Confira aqui os dez motivos que listei para ajudar você escolher a Calábria, na Itália, para sua próxima viagem!

1. Tranquilidade

O turismo não se desenvolveu muito na Calábria. Praias como as da Costa Amalfitana e cidades medievais como Siena e Torino são, portanto, muito mais procuradas do que as de lá. Você terá então na Calábria todas as comunas só para você! Aproveite e caminhe em cada cantinho. Esse é um dos principais motivos para organizar uma viagem à Calábria, Itália!

Pelas ruas de Gerace, na Calábria
Pelas ruas de Gerace, na Calábria

2. Preços baixos

Como uma multidão de turistas não bate à porta da Calábria e o custo de vida é mais baixo que ao norte da Itália, não será difícil você pagar 1,50 euro por um pedaço de pizza ou menos de 10 euros por um prato num restaurante maravilhoso. Além disso, os hotéis e os passeios têm valores maravilhosos!

O inesquecível risotto de pistache que comi nessa viagem à Scilla, Calábria
O inesquecível risotto de pistache que comi a viagem à Scilla, Calábria

3. Comida deliciosa

Para quem curte uma comida apimentada ou mesmo quem adora massas, a Calábria reserva deliciosos pratos, com formatos e sabores diferentes do que vemos por aí. A famosa cebola de Tropea também dá um sabor agridoce incrível às refeições! Você experimentará molhos e acompanhamentos que nenhum lugar tem! Um exemplo é o risoto maravilhoso de pistache que comi em Scilla e nunca vi nada igual! Já ficou convencido que vale a viagem à Calábria, Itália?

A pizza do restaurante Il Convivo, Tropea
A pizza do restaurante Il Convivo, Tropea

4. Praias de água cristalina

Porque é situada no extremo Sul da Itália, essa é uma região bem mais quentinha do que o restante do país. Muitas praias são de areia ou com pequeninas pedras, o que é uma raridade na Europa, e, além disso, o mar é belíssimo! De um lado, o mar Tirreno, o mesmo da Sardenha, e do outro o Jônico, que banha também o Norte da Grécia. Imagine só!

As belas águas de Capo Vaticano, na Calábria
As belas águas de Capo Vaticano, na Calábria

5. Vivemos a vida real nas cidades medievais

As cidades antigas são habitadas por famílias que ali vivem por séculos. Entretanto, diferentemente dos vilarejos que se transformam em cidades turísticas, elas seguem a vida pacatas. Você consegue então sentar num café, gelateria ou num bar e bater um papo com o dono ou os clientes. Além disso, é possível conferir e sentir o ritmo deles e ter contato.

A vista de Stilo do caminho para o Castello Normanno
A vista de Stilo do caminho para o Castello Normanno

6. Castelos por todos os lados

Porque foi muito invadida, as cidades da Calábria se desenvolveram no topo das montanhas. Eram povoados murados que se desenvolveram ao redor de castelos, como é o caso de Stilo e Gerace. Sua praias também foram protegidas por eles, a exemplo de Scilla. Essa paisagem pitoresca somada à arquitetura dão, portanto, um ar muito especial a esses lugarzinhos! Nada melhor que parar nessas cidades num trajeto de carro e tomar um sorvete, olhando do castelo para o mar!

O Castelo Ruffo de Scilla, na Calábria
O Castelo Ruffo de Scilla, na Calábria

7. Café mais que saboroso

Enquanto marcas famosas que se difundiram pelo mundo – como Illy e Lavazza – estão mais ao norte, fabricantes de peso que atingem mais o mercado local, como a Mauro, estão, há décadas, na região. Não deixe então de tomar todos os dias um café especial, além de comprar um belo estoque para levar para casa. Depois você sentirá muita saudade do sabor!

A Calábria oferece diferentes preparos de café, sempre com muito sabor! | Foto de Pexels.com

8. Trilhas belíssimas

Basta andar um pouquinho de carro e visitar as cidades no interior que verá muitos povoados cercados de montanhas incríveis para fazer trilhas. Portanto, ara quem é fã de trekking, é um prato cheio!

No caminho para o castelo Normanno de Stilo
No caminho para o castelo Normanno de Stilo

9. Todos os lugares são muito limpos

Todos os hotéis e restaurantes por onde passei estavam impecavelmente limpos. Diferentemente do que encontramos em alguns países como a França, onde morei duas vezes, você não encontrará lugares empoeirados, com carpete velho e nem banheiros sujos. Tudo é muito cuidado, com simplicidade, lógico, mas impecável.

O santuário Santa Maria del'Izola visto de cima de Tropea
O santuário Santa Maria del’Izola visto de cima de Tropea

10. Lojas de postos são maravilhosas

Essa informação é bem inusitada, pois quando paramos num posto de lá, não imaginamos que conseguiremos comer ou comprar itens de altíssima qualidade. Na Calábria, contudo, encontramos paninos maravilhosos, sorvetes com muita fruta natural e doces – ah! que doces – de sabor e textura inigualáveis! Não deixe então de parar e provar!

Arancino de Reggio Calabria
Arancino de Reggio Calabria

Ficou interessado pela Calábria? Então clique aqui e confira os posts que fizemos sobre a região!

Aproveito para convidar você para se inscrever em nosso mailing VIP para receber nossos newsletters, e-books e conteúdos exclusivos! Basta então preencher o formulário que está aqui. Além disso, não deixe de conferir também o perfil do Ultrapassando Fronteiras no FaceInsta e Pinterest!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.