Roteiro de viagem pela Costa Amalfitana

Roteiro de viagem pela Costa Amalfitana

Um dos destinos litorâneos mais procurados da Itália, a Costa Amalfitana é um trecho de 50 quilômetros de praias da Campania situado entre Sorrento e Salerno. Ela é percorrida por uma estreita estrada costeira, margeada por precipícios. De um lado estão montanhas de pedra, de outro, o mar.  Conto então aqui o roteiro de viagem na Costa Amalfitana e como chegar, onde comer e se hospedar e o que fazer na região e muito mais!

As paisagens da Costa Amalfitana, na Itália
As paisagens da Costa Amalfitana, na Itália

Que locais estão envolvidos num roteiro de viagem na Costa Amalfitana

O trajeto da estrada, no sentido que quem vai de Nápoles para o Sul, passa pelas cidades Positano, Praiano, Furore, Amalfi, Ravello, Atrani Cetara, Maiori, Minori, Conca dei Marini, Furore e Vietri sul Mare, até terminar perto de Salerno. Pela proximidade, muitas pessoas colocam também Pompeia, o vulcão Vesúvio e a ilha de Capri no mesmo roteiro de viagem da Costa Amalfitana.

A estreita estrada da Costa Amalfitana, Itália
A estreita estrada da Costa Amalfitana, Itália

É uma região pitoresca, cheia de casinhas coloridas nos penhascos. Uma graça!

O trajeto da Costa Amalfitana revela belas paisagens tanto para o mar quanto para as montanhas
O trajeto da Costa Amalfitana revela belas paisagens tanto para o mar quanto para as montanhas

Como ir à Costa Amalfitana

Um pouco mais das belas paisagens da Costa Amalfitana!
Um pouco mais das belas paisagens da Costa Amalfitana!

O maior aeroporto mais próximo é do de Nápoles (Capodichino), que também tem uma grande estação de trem. Nápoles está a cerca de 1h da Costa Amalfitana. De lá até alguma das cidades é então possível ir de ônibus, taxi, balsa ou carro. Alternativamente, é possível pegar um trem até Sorrento.

O acesso de balda em Amalfi: já se chega pertinho do centro
O acesso de balda em Amalfi: já se chega pertinho do centro

Existem várias controvérsias sobre usar ou não carro nos deslocamentos em uma viagem na Costa Amalfitana. O primeiro ponto negativo é que a estrada é muito apertada e pode causar medo a alguns motoristas. Além disso, diversos veículos da região estão batidos ou nem têm um dos retrovisores!

As vias estreitas da Costa Amalfitana
As vias estreitas da Costa Amalfitana

Outro ponto negativo é que há poucas vagas nas ruas e, portanto, os estacionamentos são caríssimos. Pode até acontecer de você nem encontrar um parking com vagas disponíveis!

Mirantes de Positano, a mais famosa e badalada da Costa Amalfitana
Mirantes de Positano, a mais famosa e badalada da Costa Amalfitana

Um ponto a favor do carro é a autonomia para escolha dos lugares onde quer ir. Outro é que, da mesma forma como a estrada é perigosa para carros, deve ser assustador andar a pé nela! Por fim, os ônibus são super procurados e forma uma fila enorme nos pontos de parada!

Nós fomos de carro e achei excelente. Conseguimos ir onde queríamos, nos hospedarmos num local mais afastado e parar nos mirantes da costa. Mas tem um detalhe: era abril, um feriado de Páscoa e estava friozinho.

Quando ir à Costa Amalfitana

Os barrancos com casas estão entre os grandes destaques
Os barrancos com casas estão entre os grandes destaques

Essa é uma região em que as coisas ficam abertas mais nos meses quentes, ou seja, da primavera ao outono. Na temporada, entre julho e agosto, portanto, tudo fica lotadíssimo! Como comentei, eu mesmo fui com um pouco de frio e chuva, em um feriado, e achei tudo bem cheio!

O ideal, para quem quer tranquilidade e preços mais baixos, seria então ir do final de maio à segunda quinzena de junho ou em setembro.

Fui em abril e estava friozinho, mas deu para curtir bem as cidades, sem tomar sol
Fui em abril e estava friozinho, mas deu para curtir bem as cidades, sem tomar sol

Onde se hospedar na sua viagem na Costa Amalfitana

A Costa Amalfitana hoje é um destino muito procurado por turistas de diversos perfis, desde lua de mel, a grupos de amigos e idosos. Além da beleza, a região ficou conhecia por receber muitos famosos, o que fez com que o turismo de luxo se tornasse muito forte ali. Assim, os preços de hospedagem em cidades famosas como Positano e Praiano são altíssimos!

A vista do Airbnb que ficamos fora da rota da Costa Amalfitana, com vista para Nápoles e a Costa Sorrentina
A vista do apartamento que ficamos fora da rota da Costa Amalfitana, com vista para Nápoles e a Costa Sorrentina

Nós estávamos em cinco pessoas e, no feriado que fui, vi preços de diária em hotéis “dormíveis” variando de 500 euros a 15 mil! Nossa solução então foi ficar em um apartamento que só tinha aqueles dias disponíveis para toda a temporada! Por sorte, achamos uma diária de 150 euros numa casa para seis, mas estávamos em cinco. Ficamos em Castellammare di Stabia, a 28 km e cerca de 50 minutos de Positano. Para te ajudar, coloquei as opções do Booking de hospedagens na cidade aqui.

O jardim do Airbnb que ficamos para conhecer a Costa Amalfitana
O jardim do apartamento que ficamos para conhecer a Costa Amalfitana

A casa que ficamos estava situada no alto de uma montanha, com vista 180 graus para Nápoles. Simplesmente lindo! O jardim era encantador, uma delícia para ficar tomando vinho à noite e vendo as luzes da cidade! Acho que essa é, portanto, uma ótima opção para sair do barulho das cidades e curtir um lugar gostoso.

A vista ao cair da noite. Espero ter convencido que existem lugares bem bacanas - e muito mais baratos - fora das cidades!
A vista ao cair da noite. Espero ter convencido que existem lugares bem bacanas – e muito mais baratos – fora das cidades!

O inconveniente da casa é que para chegar a ela é preciso subir mais ou menos um quilômetro numa estradinha apertadinha e absurdamente íngreme! Outro problema é a falta de gentileza do proprietário, que foi super indelicado conosco, pois demoramos para chegar mais que o previsto.

Mas lógico que ficar em Positano nessas ruelas é muita delícia!
Mas lógico que ficar em Positano nessas ruelas é muita delícia!

Outras opções de hospedagem com melhor custo-benefício

Uma das amigas que estiveram comigo nessa viagem tinha feito oito meses antes a Costa Amalfitana. Ela ficou em Praiano, que tem os preços menores que Positano, mas também não é bem baratinha. E hospedou-se no Pellegrino, uma casa que está há séculos na família e hoje é um hotel.

Segundo ela, o maître é o filho e a gestão do pai, que inclusive os levou, gratuitamente, às praias e atrações, só não guiou à Ravello, por ser mais distante. Ela adorou o charme do hotel e o atendimento. E, na nossa viagem na Costa Amalfitana, mostrou a fachada do Pellegrino, que parecia ser mesmo uma graça!

Que souvenirs comprar na Costa Amalfitana

As porcelanas estão entre os mais famosos souvenirs da Costa Amalfitana
As porcelanas estão entre os mais famosos souvenirs da Costa Amalfitana

Você verá um mar de lojinhas em diversas cidades. Em Positano estão as mais sofisticadas, porém os preços são também os mais altos. Entre os produtos mais encontrados estão as cerâmicas locais, belíssimas, por sinal. Outro item bastante presente é a sandália Capri (rasteirinha) feita à mão. Aliás, em alguns estabelecimentos oferecem possibilidade de customização. Mas achei caro!

Limoncello e outros itens gastronômicos também!
Limoncello e outros itens gastronômicos também!

Outro item bastante comercializado é o licor de Limoncello, típico de Sorrento.

Existem lojas de muito bom gosto, em especial para decoração, mas bem caras
Existem lojas de muito bom gosto, em especial para decoração, mas bem caras

O que ver e fazer no roteiro de viagem na Costa Amalfitana

Sem dúvida a Costa Amalfitana é um dos lugares mais pitorescos da Itália. Tem um charme todo especial. Como eu disse, o único ponto é que eles souberam muito bem desenvolver o turismo na região, o que não é o caso da Calábria, que tem lugares charmosos como Tropea e Scilla e praias lindíssimas como Capo Vaticano.

O santuário Santa Maria del'Izola visto de cima de Tropea
O santuário Santa Maria del’Izola visto de cima de Tropea, na Calábria

A Costa Amalfitana está ao Sul da Península Sorrentina e foi considerada Patrimônio pela Unesco. Por mais que sejam apenas 50 quilômetros de estradinha, o tempo entre uma cidade e outra é longo. E tem trânsito! Então o ideal é dividir roteiro de viagem pela Costa Amalfitana em ao menos três dias para curtir tudo. Em dois, como fizemos, se vê os lugares mais famosos muito rápido e não dá, portanto, pra curtir a praia!

O charme da Costa Amalfitana
O charme da Costa Amalfitana

Se quiser esticar à Capri, é preciso reservar no mínimo mais dois dias, pois o tempo de deslocamento é razoável. Aqui destacamos os passeios nas cidades mais procuradas da região!

O que fazer em Positano

Vista de cima para a praça da catedral de Positano

Nosso passeio começou nos mirantes ao Sul de Positano, de onde se tem belíssimas vistas. Excelente então para fotos!

Adorei desvendar as ruelas de Positano
Adorei desvendar as ruelas de Positano

Seguimos então à Positano! A mais cara e mais famosa cidade da região é de fato lindíssima! A delícia lá é mesmo curtir as ruazinhas, se perder entre as casinhas e ir desvendando a cidade! As casas coloridas descem os penhascos, como cachoeiras. E as bem estreitas ruas estão repletas de lojas, sorveterias e restaurantes.

Existem vários lugares charmosos para sentar e admirar a vista de Positano
Existem vários lugares charmosos para sentar e admirar a vista de Positano

Como eu estava com as referências de preços da Calábria, achei lá bem carinho para comer. Escolhemos o Mediterraneo, um restaurante com um valor mais razoável, em que os pratos giravam entorno de 16 e 30 euros. Gostamos bastante de lá!

O restaurante Mediterrâneo de Positano

Além de comer, a cidade é legal para escolher um bar com uma vista bacana e tomar um drink, especialmente no pôr do sol. Para apreciar um sorvete, o melhor local é a Gelateria Buca di Bacco.

Mais vistas de Positano. Lindo, não?
Mais vistas de Positano. Lindo, não?

Não deixe de passar pela catedral e curtir a vista da praça em frente a ela. Aliás, de qualquer mirante que olhamos, a viagem pela Costa Amalfitana brilha!

Um passeio bastante procurado, mas que não fizemos é a trilha dos deuses. Dizem que, se os deuses descessem na Terra, ali é onde os encontraríamos. A trilha começa em Bomerano, passa pelo Monti Lattari e termina em Nocelle, um vilarejo, portanto, abaixo de Positano.

O que fazer em Ravello

A vista do alto de Ravello, na Costa Amalfitana
A vista do alto de Ravello, na Costa Amalfitana

Ravello está situada no alto das montanhas. Chegar até lá não é fácil, mas é o ponto mais alto da Costa Amalfitana e tem as melhores vistas do mar! Para os italianos, esse é um destino mágico. Então imagina só o visu!

Os parques deliciosos de Ravello

Na Villa Rufolo você encontrará belos jardins e um pequeno museu. Foi lá que serviu a Richard Wagner como inspiração para a opera “Parsifal” e que Gore Vidal classificou como o lugar mais lindo.

Um lugar bastante procurado é a Villa Cimbrone, situada a 20 minutos a pé da praça principal da cidade. A fama ocorre porque lá você encontrará um jardim com estátuas gregas e uma visão panorâmica da costa!

Outro destaque de Ravello é a catedral do século XI. Por fora, ela não impressiona, mas dentro você verá belos mosaicos e colunas.

O que fazer em Furore

A pequenina Furore, a menor praia da Costa Amalfitana
A pequenina Furore, a menor praia da Costa Amalfitana

A praia Fiordo de Furore é a menor da Costa Amalfitana. E, provavelmente, a mais instagramável! Nós não descemos até ela, mas paramos num mirante para fotografar. O melhor ângulo, contudo, é na própria praia, pegando os arcos medievais que a atravessam.

Por favor, dê um jeitinho de descer! Porque vejo tantas fotos incríveis de lá de baixo! E fiquei então tão triste de não ter feito isso… 🙁

 O que fazer em Amalfi

Olha que belíssima e diferente essa catedral de Amalfi!
Olha que belíssima e diferente essa catedral de Amalfi!

Nosso último ponto da viagem foi em Amalfi, a maior de todas as cidades. Passamos um excelente final de tarde, passeando pelas ruas e lojinhas. Aliás, na via principal você encontrará excelentes gelaterias artesanais. Não deixe então de aproveitar!

A arquitetura da catedral de Amalfi é toda diferente
A arquitetura da catedral de Amalfi é toda diferente

O lugar mais impressionante de Amalfi é a Duomo. Simplesmente, ao entrar no centro antigo, nos deparamos com a bela igreja! Ela é toda dourada, portanto, com adornos típicos do período Bizantino. As longas escadas desanimam a subir, mas o dourado da fachada nos chama. Dentro o destaque fica por conta do teto, uma bela pintura! Não deixe, portanto, ela de fora de seu roteiro na Costa Amalfitana!

Mais da praça central de Amalfi
Mais da praça central de Amalfi

Amalfi não tem o glamour de Positano. Ela é, contudo, mais popular. Mas a via principal tem sim charme e vale conferir!

As casinhas de Amalfi, na Costa Amalfitana
As casinhas de Amalfi, na Costa Amalfitana

Está procurando férias em praias italianas? Então não deixe de conferir como são Tropea, Scilla e Capo Vaticano! Elas são menos turísticas, mais baratas e bem charmosas! Um pedaço da Itália que  ainda vai explodir!

Aproveitamos para convidar você para se inscrever em nosso mailing VIP para receber nossos newsletters, e-books e conteúdos exclusivos! Basta preencher o formulário que está aqui. Não deixe de conferir também o perfil do Ultrapassando Fronteiras no Face, Insta e Pinterest!

buy me a cup of coffee

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.